top of page
Banner_Blog MP.png

Blog

5 dicas para melhorar a experiência dos consumidores em lojas físicas

Com o retorno gradual da vida social da população, é preciso estar por dentro de como atrair a atenção dos clientes, que estavam acostumados com as compras online, nas lojas físicas.



As restrições impostas pela pandemia fez com que a forma de consumo da população passasse por mudanças, sendo que as compras online ganharam muito mais espaço durante o período mais crítico de isolamento.



Agora, com a maioria da população vacinada e a volta dos trabalhos presenciais, os varejistas têm um grande desafio: trazer os consumidores de volta para as lojas físicas. Uma alternativa é apostar na integração de relações pessoais com a tecnologia.


Além disso, outros fatores podem contribuir com a retomada dos clientes para as compras presenciais. Confira as dicas abaixo:



1 - Experiência


A experiência de consumo dos clientes é a oportunidade das marcas inovarem seus espaços físicos e seus modelos de negócio. Isso porque, nada supera as sensações obtidas através das relações pessoais.


Um exemplo dessa transformação é o Boticário Lab, que possui unidades nas cidades de Curitiba e São Paulo, e permite que o cliente conheça os detalhes da marca e desenvolva seu próprio perfume, construindo uma fragrância única.



2 - Autoatendimento


Os totens de autoatendimento estão ganhando cada vez mais espaço no varejo, proporcionando uma experiência do mundo digital dentro de uma loja física. Mesmo sendo modernos, práticos e intuitivos, não dispensam a presença de vendedores que podem ajudar em caso de dúvidas.


A pop-up store da Clinique, em São Paulo, já faz o uso de totens em sua loja. E com isso, conseguem captar as preferências dos clientes e no futuro fazer vendas mais assertivas.



3 - Estrutura


Realizar algumas mudanças significativas na estrutura da loja podem melhorar a experiência e a comodidade do cliente. As lojas conceitos, por exemplo, têm objetivo de se relacionarem de forma diferenciada. Utilizam ambientes criativos, mexem com o imaginário, possuem interatividade e uso de tecnologia.



4 - Lazer


Os varejistas de shopping centers podem e devem apostar em ações em diferentes locais do complexo, que envolvam atividades lúdicas e interações pessoais que estejam diretamente ligadas às necessidades de consumo.



5 - On e offline juntos


A integração das operações entre on e offline pode trazer diversos benefícios para os varejistas e consumidores. Quando, por exemplo, o preço online do produto for muito atrativo mas o valor do frete não, as lojas podem oferecer a opção de retirar gratuitamente. Assim, o cliente estará no espaço físico, receberá um bom atendimento e se tornará um comprador fiel.



Além dessas dicas, você pode melhorar ainda mais a experiência do consumidor no varejo físico lendo essa outra matéria que preparamos sobre o assunto.


28 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page