top of page
Banner_Blog MP.png

Blog

A pandemia e o futuro do mercado imobiliário

Transformação do espaço de trabalho, home office, adaptações ao novo normal e adaptação das negociações entre proprietários e inquilinos fazem parte do novo cenário imobiliário. Para o ano de 2021, nem 100% presencial, nem 100% remoto, o futuro do trabalho pede mais flexibilidade.



Inicialmente, a pandemia afetou a todos em geral, pelo medo do desconhecido e incertezas com relação ao futuro. Para o mercado imobiliário, isso atingiu diretamente locatários que se anteciparam e pediram descontos de aluguéis aos seus locadores. Os proprietários, que dependiam dessa renda para pagar suas contas e honrar suas dívidas, se viram com medo de perder seus locatários e, portanto, tiveram que analisar cuidadosamente os pedidos e conceder concessões quando possível.


O home office veio para ficar?

Acreditamos que o home office funciona muito bem para alguns colaboradores e, em média, de uma a duas vezes na semana. O contato presencial olho no olho, a interação, o bate papo no café são muito importantes tanto para os resultados da empresa quanto para o bem-estar das pessoas. Ou seja, precisamos dos escritórios. Nem todos conseguem ser produtivos em casa, portanto, é imprescindível uma boa política de trabalho remoto.

Você pode transformar qualquer membro do seu blog em um autor e eles podem escrever posts para seu blog. Adicionar autores é uma ótima maneira de ter um conteúdo mais diversificado no seu blog.


A explosão do número de cotistas e de IPOs de FIIs indica que estamos nos tornando um

mercado mais maduro?

Não. Na nossa opinião essa explosão é causada diretamente pela baixa da taxa de juros e não porque o mercado está mais maduro. Investidores que antes deixavam seu dinheiro investido em renda fixa tiveram que sair em busca de opções que rendessem mais e uma delas é através de fundos imobiliários. De qualquer forma, entendemos que o mercado brasileiro está amadurecendo, mas está realmente muito longe de estar maduro. Falta transparência

na informação, mais liquidez, amplo leque de opções de investimento, mais acessibilidade ao investimento, além de um mercado que utiliza uma estrutura de capital mais adequada (ou seja, a dívida de uma forma mais eficiente).


A crise gerada pela pandemia pode trazer algum efeito positivo para mercado imobiliário

de escritórios?

Entendemos que sim. Acreditamos que os escritórios vão sair dessa crise mais modernos e mais seguros, com novas e mais avançadas tecnologias. Um ponto importante que a pandemia mostrou ao mercado, não um efeito propriamente dito, foi que os contratos atípicos realmente funcionaram na hora do estresse.


O retorno do otimismo e impulso econômico, que víamos no começo de 2020, dependerá da recuperação das empresas, diante da crise em curso causada pela pandemia. Acreditamos que ainda há setores sendo bastante impactados, mas conforme as atividades forem

retornando à normalidade e as vacinas amplamente utilizadas, o cenário tende a voltar aos patamares desejados. Acesse material completo:


A pandemia e o mercado imobiliario
.pdf
Fazer download de PDF • 681KB


29 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page